Dieta do DNA

Descubra Como Funciona a Dieta do DNA

A Dieta do DNA vem do estudo que durou anos e anos do chamado projeto Genoma, com ele pode-se descobrir os benefícios de cada nutriente no organismo, o melhor regime alimentar e como funciona. Quais são as necessidades de calorias diárias, quando ocorre a obesidade, pelo menos na teoria e disso tudo nasceu mais uma ciência a nutrigenômica.

E você está se perguntando...Ok, o que eu tenho a ver com isso? Só quero emagrecer de forma rápida, definitiva e segura, será que é possível?


Por enquanto são apenas promessas, porém é sempre bom estar a par das novidades em dietas, regimes, promessas que quem sabe se transformem em soluções.

A ciência nutrigenômica demonstra que alguns nutrientes podem diminuir ou ampliar a expressão dos genes e com isso acabar favorecendo o surgimento de algumas doenças, dentre elas até mesmo a obesidade.

Em alguns países, incluindo os Estados Unidos, profissionais já estão indicando dietas baseadas nos fundamentos dos estudos genômicos, isto é, já elaborando uma Dieta do DNA não só para a obesidade, mas também para quem tem predisposição genética para diabetes tipo2, hipertensão e câncer.

Até o momento apenas alguns alimentos foram relacionados para a Dieta do DNA, são eles:


Os grãos de soja são indicados como preventivos para alguns tipos de câncer como o de mama, ovário, de próstata, sintomas da menopausa e para a osteoporose.

Sabe-se que deve-se evitar o consumo de vinagre, alimentos processados salgados e defumados, estes têm em sua composição os nitratos, nitrosaminas e nitritos que provocam câncer de estômago e esôfago.

O brócolis e outros folhosos verde escuro que têm o sulforato podem proteger o corpo contra as toxinas e seus agentes.

Vegetais verdes que têm grande quantidade de clorofila, auxiliam estimulam a produção de hemácias e reduzem o risco de câncer.

Já o consumo do álcool está diretamente ligado ao aumento da incidência de câncer do aparelho digestório; boca, faringe, laringe e estômago.

Pontos Positivos da Dieta do DNA:

A dieta é elaborada de forma individual, faz com que todos os alimentos tenham dupla função, além de ter a contagem calórica e valor nutricional também tem um poder extra de auxiliar o organismo a minimizar as tendências genéticas negativas.


Pontos Negativos da Dieta do DNA:

O estudo genético durante muito tempo ainda terá um custo alta, nem todas as pessoas poderão ter acesso a ele e assim o melhor mesmo é garantir uma regime nutricional adequado, oferta variada dos alimentos de todos os grupos alimentares e ficar de olho na tabela calórica de cada um evitando a obesidade.
 

COMENTE GOOGLE+
COMENTE BLOGGER

0 comentários:

Postar um comentário

Copyright © 2017 Dietas Regimes Obesidade